terça-feira, 7 de junho de 2016


Por vezes julgamos ver duas portas




Duas portas? Ou um reflexo?

São inúmeras as vezes em que o olhar engana e vimos a dobrar, os olhos distorcem a realidade e criam fantasias daquilo que vemos ou do que gostávamos de ver. Há miragens que são momentos e distorções que acreditamos são aquilo em que gostávamos de acreditar, porém a realidade é bem diferente, quando nos apercebemos que nem tudo o que parece é. Por vezes é bom viver na ilusão e sonharmos com o que não temos, quando o que temos não nos satisfaz.

E um dia o inevitável acontece...acordamos!