domingo, 26 de junho de 2016



Gosto de velocidade, de muita adrenalina, de testar os meus limites e ousar.
Nunca digo...tenho medo... como posso dizê-lo antes de experimentar?!
Bom, confesso que há uma coisa que de vez em quando me assusta...certas pessoas, mas dessas afasto-me devagarinho e rezo para que não sintam a minha presença.
E agora podem dizer: - Então esta mulher não pára?
Claro que me aquieto, relaxo e medito em momentos que guardo só para mim e é nessas altura que vou buscar energia para novos desafios.
"Aprendi o silêncio com os faladores, a tolerância com os intolerantes, a bondade com os maldosos; e, por estranho que pareça, sou grato a esses professores."

Khalil Gibran



Existe um olhar