quinta-feira, 21 de abril de 2016


Sabe o que está a acontecer dentro das suas esponjas de maquilhagem?



Há uns meses, uma maquilhadora encontrou insetos dentro da sua Beauty Blender. Se limpa as suas esponjas de maquilhagem da mesma forma que lava os pincéis, está a fazer tudo errado.




Bonitas por fora... e por dentro?

 
Se é daquelas que passa semanas, ou meses, sem lavar os seus acessórios de maquilhagem, vale a pena relembrar o que pode acontecer à sua pele: acne, infecções, conjuntivites, erupções cutâneas, infecções bacterianas, infecções fúngicas e até herpes – só para dar alguns exemplos. Isto porque, em contacto com todas as diferentes fórmulas cremosas, líquidas e em pó, os pincéis e as esponjas vão acumulando bactérias e sujidade que permitem o crescimento de ainda mais bactérias.

Até aqui, não demos nenhuma novidade, certo? Mas será que, com tanta informação de que se pode lavar todos estes acessórios com champô e sabonete, andamos realmente a fazer o mais certo? Ou estamos a expor a nossa pele a mais porcaria ainda?

A Beauty Blender veio revolucionar toda a forma de aplicar maquilhagem. Esta pequena esponja tornou-se quase um acessório obrigatório e, hoje em dia, já há dezenas e dezenas de acessórios idênticos à venda em qualquer loja. Mas há uns meses, Stevie Miller, uma jovem maquilhadora e Youtubber britânica, encontrou dois insectos dentro da sua.

Em comunicado, os representantes da Beauty Blender afirmaram que as esponjas de Miller tinham sido compradas a um revendedor não autorizado e não diretamente à marca. Mas uma questão ficou no ar:mesmo sem bichos, estarão as esponjas limpas por dentro?

Um artigo da revista Glamour americana voltou a tocar nesta questão ao mostrar o que outras pessoas encontraram dentro das suas esponjas quando as abriram ao meio: desde uma esponja perfeitamente limpa por fora mas cheia de restos de base por dentro a outra com bolor, é um facto: não fazemos ideia do que vive dentro das nossas esponjas.

Imagem retirada do Reddit.com do utilizador LadyOfAcheron


Eis algumas coisas a considerar na sua limpeza:

As esponjas não devem ser utilizadas mais do que três meses. A própria marca Beauty Blender aconselha este prazo.
Embora os pincéis possam ser lavados com champô ou gel de limpeza, o mesmo não se aplica às esponjas.
As esponjas devem ser lavadas no fim de cada utilização com produtos próprios de limpeza. A Beauty Blender, por exemplo (em Portugal à venda exclusivamente nas lojas Sephora), vem com um produto, o Beauty Cleanser Solid, uma espécie de bálsamo que também pode ser usado em pincéis ou outras esponjas de maquilhagem.
Se mesmo assim só tem sabão, anote esta dica: mergulhe a sua esponja numa solução com sabão para amolecer durante alguns minutos, depois aperte a esponja dentro da solução para que saia tudo o que está lá dentro, lave abundantemente com água e deixe secar ao ar.
Para quem não é tão meticuloso e não a vai lavar todos os dias, a revista Glamour aconselha a ter mais do que uma esponja para poder alternar durante os dias e deixa uma sugestão: coloque as suas esponjas em sacos de lavandaria e lave-as na máquina de lavar roupa no programa delicado com enxaguamento extra. Adicione um pouco de produto próprio para limpar pincéis e esponjas ao detergente e vão ficar como novas.

Observador.