terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

O WC MILIONÁRIO


O wc milionário de uma princesa que nunca o chegou a usar


A princesa tailandesa foi premiada com uma casa de banho no valor de 40.000 dólares numa visita de três dias ao Camboja, o país onde muitas pessoas defecam na rua. O autoclismo continua por puxar.



A princesa Maha Chakri Sirindhorn na companhia do primeiro-ministro do Camboja, Hun Sen



Já todos sabíamos que ser uma princesa não é cargo que venha sem os seus benefícios, no entanto não seria de esperar que uma casa de banho de luxo, num país onde defecar na rua é uma realidade para muitos, fosse um deles. Para receber a princesa da Tailândia numa visita de três dias, os cambojanos construíram um sanitário no valor de 40.000 dólares (36.000 euros). Mas o autoclismo, esse, nunca chegou a ser puxado.

O sanitário — que agora pode ser equiparado a um trono real — foi concebido por causa da visita oficial da princesa Maha Chakri Sirindhorn ao lago Yeak Lom, no nordeste do Camboja, que aconteceu esta segunda-feira. No entanto, o encontro de duas horas terminou sem que a princesa usasse as instalações. Segundo a AFP, Chakri Sirindhorn limitou-se a olhar para o interior da casa de banho e a tirar algumas fotografias, sem nunca ter entrado nela.

A casa de banho que levou duas semanas a ser construída e teve por base materiais tailandeses foi depois removida e, num futuro próximo, adotará a forma de um posto de segurança para turistas que visitem o lago.

A AFP dá ainda conta do relato dos médias locais, que escrevem que o WC por usar foi construído pelo Siam Cement Group, uma gigante da construção tailandesa detida por uma entidade que gere os bens e investimentos da família real tailandesa. O assunto não terá, no entanto, chamado a atenção da imprensa deste país, uma vez que existem leis severas que impedem que sejam feitas críticas à família real.

Não obstante, dados tornados públicos no último ano pela UNICEF mostram que 61,5% dos cambojanos que vivem em ambientes rurais defecam na rua por não terem acesso a casas de banho.