quarta-feira, 18 de novembro de 2015

MÃE , SAUDADES


Quem já perdeu a mãe,como eu, entende perfeitamente os pequenos versos que se seguem. Não há palavras dizíveis para descrever a saudade da Mãe que partiu e não tem retorno.





Saudades impossíveis de preencher

Sentires impossíveis de apaziguar


(...)

MãeI


(Taradisses)