quinta-feira, 12 de novembro de 2015

A STAR NICOLE KIDMAN


Evolução de Estilo: Nicole Kidman

Personificação do conceito de movie star, Nicole Kidman não faz só parte da realeza de Hollywood: encaixa-se na realeza do estilo também.










 
12 de Setembro, 2013

Parece nunca ter sido jovem – no sentido imprudente de juventude – porque a classe e o requinte nunca foram relegados para segundo plano. Mas isto não significa que as escolhas tenham sido aborrecidas. Só que Nicole sempre teve uma sensibilidade acima da média para equilibrar opções mais arriscadas com as linhas com que se cose o glamour.






Quando, em 2007, entrou na passadeira vermelha dos Óscares da Academia com o Balenciaga vermelho, os críticos foram unânimes em apontá-la como uma das imagens mais marcantes da história da red carpet. Isto, depois de dez anos antes ter cortado a respiração num design de John Galliano para a Dior. As constantes respostas certas quando a pergunta é "o que usar?" já duram há três décadas (a carreira da atriz australiana começou em 1983), e acompanharam provas de talento como The Hours, Cold Mountain ou Moulin Rouge – sendo que se prepara agora para aquele que pode ser o papel de uma vida, com Grace do Mónaco -, não esquecendo os 180 segundos de uma das campanhas para o Chanel Nº5 mais icónicas de sempre: ao lado de Rodrigo Santoro, com Clair du Lune como banda sonora e 42 milhões de dólares como orçamento, o vestido Chanel sem costas ficou para a história da Moda acompanhado com o sussurro "her kiss, her smile, her perfume


Vogue